Como saber se suplementos alimentares fazem bem e estão regularizados?

Chegou a hora de parar tudo o que está fazendo e prestar atenção!

Provavelmente você já deve ter caminhado, andado de carro, ou ter pego transporte público no dia de hoje. Caso não tenha feito isso te convido a fazer e observar o cenário da sua cidade, os prédios, as empresas e as indústrias. Somos rodeados por um movimento econômico, o qual faz com que tudo à nossa volta se desenvolva para estar dentro das tendências e atender a demanda populacional.

Nos dias de hoje, muito se fala em Indústria 4.0, mas para uma empresa se qualificar neste segmento é preciso ter um sistema automatizado em seus maquinários, promover inovação e pensar em soluções inteligentes.

Se você fez a análise do cenário da sua cidade, deve ter notado o número de indústrias que a mesma têm. Aqui no Oeste Catarinense, somos rodeados por elas, podemos nos considerar um grande polo, destacando-se os segmentos de agroindústria, madeireiras e fábricas alimentícias.

 

Você deve estar se perguntando, tá, mas Hilê, o que isso tem a ver com o título (Como saber se suplementos alimentares fazem bem e estão regularizados?)?

Tudo! Porque para ter produtos com qualidade e segurança, é preciso ter o melhor no quesito tecnologia e profissionais qualificados, então se enquadrar na Indústria 4.0 faz muito sentido em todo o processo, para se ter um produto final com inovação, qualidade e agilidade.

Neste momento, vamos segmentar para indústria de alimentos e, esclarecer “como saber se suplementos fazem bem” e alguns fatores, que este tipo de indústria, precisa ter para se qualificar como segura na produção de suplementos alimentares, para isso, convidamos para o esclarecimento a profissional Valéria Furini, farmacêutica responsável na Hilê terceirização.

 

Qual a sua responsabilidade dentro da Hilê para que se tenha suplementos alimentares de qualidade e seguros para o consumo?

Como sou a farmacêutica responsável pela Hilê, o meu trabalho aqui vai desde a responsabilidade técnica de toda a produção, linha de produtos, construção de fórmula, produção, até o produto ficar acabado, para ser entregue ao cliente, sou responsável pela averiguação de todas as etapas.

Mas é preciso atentar-se aos mínimos detalhes, para obter o máximo de qualidade, desde a criação da fórmula, a escolha de ingredientes, cuidado no momento da produção, qualidade da matéria prima, responsabilidade com as boas práticas dentro da indústria, e ainda quando o produto está acabado, fizemos a análise de qualidade, que é a fisico, quimica e microbiologica, depois de toda essa liberação interna, o produto vai para expedição para ser entregue pro nosso cliente, então são várias etapas, que a gente segue aqui dentro da empresa visando a qualidade do produto final.

 

Os produtos precisam ter alguma aprovação para ir para as gôndolas?

Aqui na Hilê a gente preza sempre pelo sim, então deixamos todos os produtos regulares, dentro dos órgãos sanitários que a gente tem. Como fabricante, pegamos todo o processo, desde a construção da fórmula, e também a parte regulatória, comunicado de início de fabricação, e as aprovações regulatórias também para esse produto estar lá no mercado.

 

Como fazer todos se engajarem no mesmo propósito e haver produtos cada vez melhores?

A palavra que define isso, tanto para a equipe dos laboratórios, quanto P&D, na qual estão na minha supervisão, e também, a produção, que estou assessorando na parte técnica, a palavra que define é treinamento, constante e contínuo, algumas vezes pontuais, outras gerais, por setor, a gente está sempre treinando, treinando e treinando. Os treinamentos visam, recapitular o que a gente já tem, especificado por meio de nossos materiais, controle de qualidade e também visa atualização, então a gente faz treinamentos de equipes contínuo. Toda semana estamos no setor de produção treinando equipes. Acreditamos que isso faz toda a diferença no produto final.

 

Suplementos alimentares fazem bem?

É sempre preciso entender o problema que o cliente quer suprir e ver se faz necessário o uso de um suplemento. Porém, quanto a qualidade de um suplemento, aqui na Hilê sempre tentamos aprimorar o melhoramento, tanto que a gente implantou o laboratório de microbiologia, onde os produtos acabados, sejam eles, cápsulas, chás, solúveis, granel, todos passam por essa análise. Apesar de não ser uma regulamentação, nós pelo quesito qualidade adotamos isso, para saber que o nosso produto quando for entregue ao cliente, ele saiba que durante o processo produtivo não apresentou nenhum contaminante.

Com toda essa explicação profissional podemos ver a importância que o lugar onde os produtos estão sendo fabricados tem. É preciso estar atento, e produzir com empresas que realmente oferecem o melhor em qualidade e segurança nos produtos, assim você pode entregar uma linha de suplementos alimentares que façam sentido e agreguem na vida das pessoas. Te convido para saber mais sobre esse processo neste material que preparamos para você.

 

Compartilhar
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM