Saiba como utilizar e quais são os benefícios dos suplementos alimentares

Suplementos alimentares

Quando o assunto é suplementos alimentares existem muitas dúvidas sobre o uso
correto, se realmente vale a pena ingerir, qual a sua composição, entre outros
fatores. Por isso, mapeamos os 5 principais questionamentos que os consumidores
têm sobre o assunto e pedimos para a profissional Luiz H. T. Longo, nutricionista da
Hilê, responde-lás:

 

1- O que são suplementos alimentares?

Os suplementos alimentares são substâncias produzidas especialmente para complementar a alimentação. Suplementos alimentares não são medicamentos e, por isso, sua finalidade é fornecer nutrientes, substâncias bioativas, enzimas ou probióticos em complemento à alimentação.

A categoria de suplemento alimentar foi criada para garantir o acesso da população a produtos seguros e de qualidade. São produtos que fornecem doses de vitaminas, minerais e outras substâncias com o intuito de complementar uma alimentação deficitária, ou seja, que por alguma razão não esteja sendo suficiente para fornecer nutrientes como proteínas e aminoácidos, necessários para o bom funcionamento do organismo.

 

2- Quais são os benefícios destes suplementos?

A suplementação, quando realizada com cautela e com a orientação de profissionais da saúde, fornece inúmeros benefícios, como por exemplo:

● Complementar a alimentação, seja por carência na ingestão, por dificuldade de absorção do alimento ou aumento da demanda por algum problema de saúde;

● Melhorar a performance e o desempenho do atleta;

● Podem auxiliar na prevenção ou tratamento de algumas doenças;

● Auxiliam na recuperação muscular após exercícios intensos;

● Contribuem para o ganho de massa muscular;

● Ajudam no tratamento de portadores de doenças disabsortivas do trato gastrointestinal, ou seja, doenças de má absorção dos nutrientes;

● Auxiliam no tratamento de pacientes com quadro de caquexia (de intensa perda de peso) e sarcopenia (de perda de massa muscular);

● Ajudam no combate aos radicais livres, que são os responsáveis pelo envelhecimento precoce.

 

3- Qual é a recomendação do uso correto dos suplementos?

O indicado é que o consumidor sempre procure a orientação de um médico ou nutricionista para saber a necessidade específica da suplementação.

Cada indivíduo é fisiologicamente diferente, por isso, o tipo de suplemento, as dosagens, quantidade e a intensidade irão variar de pessoa para pessoa, já que as necessidades calóricas, protéicas e de vitaminas são também distintas para cada um, não somente devido à diferença de peso, mas também em função das diferenças hormonais que geram demandas metabólicas diferentes.

Quando consumidos por quem não tem necessidade e utilizados em excesso ou de forma incorreta, eles podem provocar uma sobrecarga dos órgãos responsáveis pelo metabolismo, como fígado e rins, e dessa forma provocar doenças e a falência de órgãos, dependendo da quantidade utilizada.

É importante ressaltar, que a frequência com que deve ser tomado e o limite de cada suplemento é algo extremamente individual e dependerá do estilo de vida da pessoa, do grau de necessidade ou deficiência de nutrientes específicos.

 

 

4- Dê alguns exemplos de qual suplemento seria bom, para qual problema.

O ômega 3 , por exemplo, é um ácido graxo essencial, que ajuda na redução da inflamação e de dores crônicas, além de trazer benefícios na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, como síndrome metabólica e doenças cardiovasculares.

Os suplementos à base de vitaminas e minerais , conhecidos como multivitamínicos são indicados para pessoas que necessitam complementar vitaminas e minerais no dia a dia devido a alguma deficiência, patologia ou demandas altas de certas vitaminas, sendo prescritos desde crianças a idosos e também para atletas.

O whey protein é utilizado para auxiliar na síntese proteica ou para complementar a quantidade de proteínas da dieta, além de ser coadjuvante no ganho de massa muscular, sendo um suplemento muito procurado por atletas. A creatina é um composto derivado de aminoácidos, muito utilizado por atletas com o objetivo de melhorar a resistência em treinos de força, além de auxiliar na potência do rendimento, consequentemente, gerando um ganho de massa muscular.

Existe ainda, os suplementos termogênicos , muito procurado por pessoas que necessitam emagrecer, na composição deles, geralmente há cafeína, pimenta, citrus aurantium, gengibre, entre outros ingredientes. Este tipo de suplemento ajuda no aumento do metabolismo, contribuindo com a perda de peso e de gordura corporal.

Além disso, existe o colágeno , que é uma importante proteína produzida pelo nosso organismo e que tem como principal função dar sustentação aos tecidos, aumentando a firmeza e elasticidade da pele, maior viço, ameniza as marcas de expressão, além de contribuir para o fortalecimento das unhas, cabelos. A partir de 30 anos é importante a suplementação do mesmo, pois até essa idade, nosso organismo produz normalmente o colágeno.

Com o passar dos anos, temos uma queda na produção e os efeitos disso, podem ser sentido na pele, unhas e cabelos, principalmente.

 

5- Você recomenda o uso de suplementos alimentares?

Sim, como profissional nutricionista recomendo o uso de suplementos sob prescrição. Oriento o paciente sobre os benefícios e também sobre os cuidados com os exageros na suplementação. Quando usado de forma adequada e com cautela, o organismo só tende a beneficiar. Sinta-se a vontade para compartilhar este material à todos que também apresentam essas dúvidas.

 

Compartilhar
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM