Histórias da Hilê: Elciane, a mulher que ama viajar e está sempre pronta para as novas experiências

Sabe quando você olha para uma pessoa, convive com ela, mas não faz nem ideia da metade das coisas que ela já viveu? Isso é muito comum, ainda mais em lugares de trabalho, são tantas pessoas, cada uma com uma história, e com o dia a dia focado no trabalho acabamos não conhecendo realmente elas e suas singularidades. E esse é um dos motivos do Histórias da Hilê existir, compartilhar histórias inspiradoras dos nossos colaboradores e mostrar que os sonhos podem e devem ser realizados!

Hoje, vou lhe contar a história de uma mulher que está na Hilê há mais de 8 anos e já viveu muito perrengue na vida, mas sempre teve ao seu lado o bem mais precioso: a família. 

Elciane desde muito pequena precisou aprender a lidar com os acasos da vida, aos 7 anos perdeu seu pai Etelvino Antônio Gerolometto, o qual deixou sua mãe Agata Kleimpaul Gerolometto desolada e sem chão, tendo que se virar com duas crianças pequenas, Elci e seu irmão Evandro na época com 5 anos de idade.

(Etelvino Antônio Gerolometto (in memoriam) e Elciane)

Uma família de quatro pessoas que precisou se adaptar e aprender a seguir forte e unida, agora em três. Dona Agata é uma grande inspiração para Elciane, ela aprendeu a dirigir, trabalhava lavando roupas e fazendo faxinas, sempre fez o melhor que pôde para manter a família de pé e os sorrisos dos filhos.  

Elci, sempre gostou muito de estudar e sua mãe incentivava a continuar os estudos, ter uma formação e uma profissão que gostasse. Ela sempre quis ser advogada, mas ao longo do caminho resolveu fazer contabilidade e ama o que faz!

Aos 21 anos ela casou e teve dois filhos, Alan e Renan, os dois são o seu orgulho. E a sua mãe sempre esteve presente ajudando cuidar deles para ela trabalhar e segurando a sua mão quando precisava.

Antes da Elciane começar na Hilê ela morou por 2 anos na Bahia com seu marido e filhos, mas por enfrentar alguns problemas precisaram voltar para Xanxerê e foi aí que a sua história começou na Hilê. 

“Quando eu voltei eu vim procurar emprego na Hilê, já tem uns 8 anos que estou na empresa, depois eu trouxe o meu irmão para trabalhar aqui, o Evandro, posteriormente o meu filho mais velho Alan e agora o mais novo Renan, cada um tem o seu setor, a gente sabe dividir, a gente é família, conversa muito em casa, mas aqui cada um precisa respeitar o seu setor, seu líder e fazer o seu trabalho. Não passo a mão na cabeça de ninguém.” (Elciane)

Elci começou no setor de faturamento e logo foi tendo destaque, mérito da sua responsabilidade, dedicação e comprometimento com a empresa. 

“Quando eu comecei a trabalhar aqui iniciei na parte de faturamento, cuidava das notas, depois de um tempo eu fiquei como líder da expedição, posteriormente como líder do faturamento e há um mês eu tive oportunidade de ir para o setor financeiro, também para conhecer uma outra parte, novas experiência, agregando no meu currículo e estou adorando. Auxílio ainda na questão do faturamento, dou suporte, e estou no financeiro, daqui eu só saio no dia que eu me aposentar e olha lá (risadas).” (Elciane)

Colaboradores

Novos desafios nos fazem agregar ainda mais o nosso eu profissional e pessoal, e sair do comodismo. E a Elci é inspirada em viver novos desafios e experiências.

“Eu realmente gosto do que eu faço, sinto que ajudei muito no faturamento e agora no financeiro, gosto de estar envolvida na empresa, 8 anos a gente conhece muita coisa aqui dentro, eu acho uma graça que uma vez o Sandro pediu uma coisa para o Evandro e ele ficou meio assim, e eu disse que sabia onde estava. É gratificante, bom você poder ajudar em várias questões, mesmo que não seja da minha área, se você sabe precisa ajudar!” (Elciane)

Admiramos muito essa troca de ideias e você não ficar apenas em um lugar, mas conversar com outros setores, entender as demandas, dificuldades, afinal somos uma engrenagem e nada funciona se não tiver o todo.

“Eu tento fazer o máximo correto, e neste novo momento que estou em outro cargo, busco me dedicar, aprender, dar o meu máximo para que tudo fique o melhor possível, então é gratificante e eu tenho orgulho de mim, do trabalho, dos setores, dos líderes. E agradeço pela oportunidade de crescer.” (Elciane)

Além do seu amor pela Hilê e pelas novas experiências, Elci ama viajar, dançar e adora carnaval, aquele carnaval mais antigo, onde você pode dançar e aproveitar para relaxar. E alguns dizem que ela é uma sambista de mão cheia.

Com muito esforço Elci e o marido conseguiram realizar vários sonhos. “A gente trocou de carro, fizemos um financiamento para construir a casa, já concluímos ela, faltam alguns detalhes, mas o principal está feito. Era uma casa de madeira antiga, então construímos uma nova casa e a mãe mora junto com a gente, eu cuido dela e ela cuida de nós.” (Elciane)

“Faz pouco tempo que a gente foi para a praia, agora estamos começando a viver um pouco, a gente trabalha, trabalha para ter as coisas, ter um conforto e agora está na hora de aproveitar um pouco, ainda mais que a nossa mãezinha está doente, então eu penso em aproveitar os momentos em família, aproveitar ela.” (Elciane)

Colaboradores

Elci tem a família como a sua base e mesmo depois de tudo o que lhe aconteceu lá no começo da sua história, eles seguem unidos e valorizam ainda mais os pequenos momentos, porque entendem que a vida é um sopro.

Colaboradores

E hoje, o maior desejo dela é: “ver os filhos formados, apesar de saber que um vai para o lado caminhoneiro, não desmerecendo, porque desde que eu conheci meu esposo ele é caminhoneiro e eles tem uma função essencial na economia e no Brasil em si. E é incrível a possibilidade de poder conhecer novos lugares, viajo sempre que posso com ele. O Alan está fazendo Arquitetura e Urbanismo, e o meu desejo de mãe é que eles se formem,  tenham uma profissão, que possam viajar o mundo, conhecer outros países.” 

E se a Elciane pudesse escolher seu destino desejaria:

“Eu quero continuar aqui por muitos anos, é bom trabalhar na Hilê e com as pessoas daqui, eu gosto, por isso estou há 8 anos e não penso em sair tão cedo e tenho muito orgulho de quem eu era para quem eu sou hoje e de toda a minha história, que não foi fácil.”

Colaboradores

Sem dúvidas Elciane, sua história é comovente e cheia de lutas, mas em nenhum momento você desistiu dos seus sonhos e da sua família e quando se tem um propósito nada é impossível. Hoje, você é uma inspiração para tantas outras pessoas que passam por situações difíceis e podem ver em você o exemplo de superação. 

A Hilê é uma grande família e temos orgulho de ter profissionais tão competentes e com uma história de vida que vai além do que podemos enxergar. São pessoas como a Elci que cuidam do seu produto para que ele faça sucesso no mercado e, você possa ter histórias inspiradoras para contar ao mundo!

Compartilhar
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM